Descoberta variação genética que predispõe à psoríase

Estudo publicado na American Journal of Human Genetics

29 junho 2006
  |  Partilhar:

 

Uma variação genética comum num gene do sistema imunitário torna muito mais provável o desenvolvimento da psoríase, aponta um estudo publicado pela revista "American Journal of Human Genetics".
 

 

Investigadores da University of Michigan, EUA, denominaram o gene de PSORS1. A sua variação afecta uma das 20 variedades (alelos) de um gene chamado de HLA-C, predispondo-o à psoríase.
 

 

Isso, segundo os investigadores, não quer dizer que todos os que apresentam esta variação desenvolvam a doença, causada por uma combinação de vários factores. "Cada pessoa com psoríase que tem o gene PSORS1, existem outras 10 que o portam e que não desenvolvem a doença", explicou o líder da investigação, James T. Elder, professor de dermatologia e de oncologia radiológica da universidade.
 

 

"Na psoríase, o ''Streptococcus'' é um precursor muito comum", comentou o investigador, explicando que "o sistema imunitário é activado para atacar a bactéria. Mas, uma vez eliminada a infecção, o sistema imunitário começa a atacar as células cutâneas da própria pessoa".
 

 

O estudo, que examinou 2.723 pessoas de 678 famílias, nas quais pelo menos um membro apresentava a doença, poderá conduzir a novos tratamentos mais eficazes para combater o problema, sem os riscos e efeitos secundários dos tratamentos actuais.
 

 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.