Descoberta forma de anestesiar a dor sem bloquear outras sensações

Estudo publicado na “Nature”

08 outubro 2007
  |  Partilhar:

 

Investigadores norte-americanos descobriram que a combinação de um anestésico com a substância que faz as malaguetas serem picantes bloqueia a dor sem prejudicar o movimento ou outras sensações como o toque, aponta um estudo financiado pelos National Institutes of Health e publicado na revista “Nature”.
 

 

Os investigadores Clifford J. Woolf e Bruce Bean, da Escola Médica de Harvard, usaram em ratinhos uma combinação de “capsaicin”, a mesma substância que torna as malaguetas picantes, e um fármaco denominado QX-314, derivado da lidocaína, um dos mais usados dos anestésicos locais.
 

 

Ao contrário dos analgésicos usados actualmente nas cirurgias, que obstruem a actividade de todos os tipos de neurónios causando torpor, paralisia e outras perturbações do sistema nervoso, esta nova combinação explora uma característica única dos neurónios sensíveis à dor, de forma a bloquear a sua actividade sem danificar as funções das outras células.
 

 

A lidocaína alivia a dor bloqueando os impulsos eléctricos em todas as células nervosas e o seu derivado QX-314 sozinho não pode atravessar as membranas das células nervosas para bloquear a respectiva actividade eléctrica.
 

 

É aqui que entra a “capsaicin”. Esta substância abre largos poros denominados canais TRPV1, encontrados apenas dentro das membranas das células dos neurónios sensíveis à dor, e estes canais permitem ao QX-314 passar, bloqueando assim selectivamente a actividade destas células.
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.