Descoberta de gene pode conduzir a contracetivo masculino

Estudo publicado na “PLoS Genetics”

29 maio 2012
  |  Partilhar:

Um novo tipo de contracetivo masculino pode ser criado a partir da descoberta de um gene associado ao desenvolvimento de espermatozoides, dá conta um estudo publicado na “PLoS Genetics”.

 

Atualmente, o único contracetivo masculino disponível baseia-se na interrupção da produção de hormonas, como a testosterona, podendo causar efeitos adversos desagradáveis os quais incluem o aparecimento de acne, irritabilidade e alterações de humor.

 

A produção e a maturação das células espermáticas é um processo complexo que depende de interações entre as células germinativas e mecanismos de apoio, incluindo estruturas constituídas por microtúbulos que permitem que os nutrientes e outros compostos essenciais para o crescimento dos espermatozoides cheguem às células germinativas.

 

Os autores do estudo explicam que está perfeitamente estabelecido que um dos componentes principais da fertilidade masculina envolve um processo que degrada e reconstrói os microtúbulos, o qual permite que os espermatozoides se movam nos testículos e amadureçam. Contudo, até à data, ainda não tinha sido identificado qual o gene responsável por este processo.

 

Neste estudo, os investigadores da University of Edinburgh, na Escócia, descobriram que o gene Katnal1 era expresso nas células de Sertoli testiculares que estão envolvidas na maturação das células espermáticas, tendo verificado que a perda da função deste gene conduzia à infertilidade masculina.

 

“Se encontramos uma forma de regular este gene, nos testículos, será possível desenvolver um contracetivo não hormonal”, revelou, em comunicado de imprensa, um dos autores do estudo, Lee Smith. “Um fato importante é que o efeito deste fármaco poderia ser reversível dado que o Katnal1 apenas afeta os espermatozoides nas fases mais tardias de desenvolvimento, assim não afetaria as fases iniciais de produção de espermatozoides”, acrescentou o investigador.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.