Deputados rastreados à asma

Dia Mundial da Asma assinala-se amanhã

01 maio 2005
  |  Partilhar:

 

Os deputados da Assembleia da República vão ser rastreados à asma esta segunda-feira, no âmbito das cerimónias do Dia Mundial da Asma que se assinala amanhã, informou a Associação Portuguesa de Asmáticos (APA).
 

 

O Dia Mundial da Asma assinala-se terça-feira, uma data em que as associações ligadas a esta doença - que afecta um milhão de portugueses - irão alertar para a necessidade de os asmáticos terem acesso às medidas de controlo da patologia, independentemente da sua condição económica.
 

 

O rastreio aos deputados na Assembleia da República marca o arranque das cerimónias do Dia Mundial da Asma, realizando-se na segunda-feira.
 

No Dia Mundial da Asma, a APA vai estar presente no Norteshopping, Porto, para realizar uma acção de sensibilização para a doença e prestar esclarecimentos aos doentes sobre cuidados básicos. A APA vai ainda divulgar novos dados sobre a doença em Portugal, durante uma conferência de imprensa a realizar na Fundação Eng. António de Almeida, no Porto.
 

 

Para assinalar o Dia Mundial da Asma, a APA vai ainda reivindicar uma maior comparticipação para todas as terapêuticas da asma. A APA considera «incompreensível e inaceitável» que o Governo tenha revogado a portaria 393/2005, o que irá resultar na retirada da comparticipação aos medicamentos combinados para asmáticos (corticóides inalados e bronco-dilatadores de longa acção no mesmo dispositivo). O não controlo da asma provoca a deterioração da qualidade de vida do doente e acarreta o aumento dos custos a nível de utilização dos recursos de saúde, como são os casos de serviços de urgência e internamentos hospitalares, conclui a APA.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.