Dependência de álcool e de marijuana partilham os mesmo genes

Estudo publicado no “Alcoholism: Clinical & Experimental Research”

24 dezembro 2009
  |  Partilhar:

Os genes que tornam as pessoas mais susceptíveis ao alcoolismo também as tornam mais propensas a serem dependentes de marijuana, revela um estudo publicado no Alcoholism: Clinical & Experimental Research.

 

Para este estudo, os investigadores da Washington University School of Medicine, em St. Louis, EUA, entrevistaram cerca de 6.300 homens e mulheres com idades entre os 24 e 36 anos, incluindo quase 2.800 pares de gémeos.

 

O estudo, liderado por Carolyn E. Sartor, revelou que pode ser atribuído aos genes cerca de 60% do risco de um indivíduo passar a beber em excesso ou se tornar um utilizador frequente ou um dependente de marijuana. Por seu turno, cerca de metade da probabilidade de se ser um alcoólico pode ser atribuída à genética.

 

Em comunicado de imprensa, a líder do estudo, Carolyn E. Sartor, revelou que se sabe que “existe uma elevada probabilidade de problemas de alcoolismo nos jovens que fumam marijuana e vice-versa. O que descobrimos é que algumas das influências genéticas que estão envolvidas no alcoolismo e nos sintomas de dependência estão também envolvidas no consumo de marijuana e na sua dependência.”

 

Isto significa que cerca de 40 a 50% da causa da dependência de álcool ou marijuana pode ser devida a influências ambientais. Apesar de haver uma influência genética, ninguém está predestinado a ser dependente destas substâncias, sublinhou Carolyn E. Sartor.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.