Dentro de alguns anos vai ser possível fazer retratos robot a partir do ADN
28 agosto 2001
  |  Partilhar:

Num prazo de cinco a dez anos vai ser possível fazer retratos robô apenas a partir dos vestígios de ADN encontrados no local onde tenham sido cometidos delitos, asseguraram ontem peritos em genética forense.
 

 

Na sessão de abertura do Congresso da Sociedade Internacional de Técnica Genética Forense, a decorrer em Munster (Alemanha), o médico alemão Bernd Brinckmanns assegurou que em pouco tempo os avanços na investigação vão tornar possível que se possam reproduzir partes do rosto humano, o que ajudará as pesquisas policiais.
 

 

Actualmente, apenas é possível determinar a cor do cabelo ou dos olhos através dos vestígios de ADN, onde está impresso o código genético, recordou o especialista.
 

 

Até sábado, cerca de 400 peritos participantes no congresso vão expor as novas descobertas realizadas no âmbito da investigação do ADN.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar