Deficiência em vitamina A pode conduzir à diabetes tipo 2?

Estudo publicado no “The Journal of Biological Chemistry”

21 janeiro 2015
  |  Partilhar:

Níveis deficientes de vitamina A podem conduzir ao desenvolvimento da diabetes tipo 2, sugere um estudo publicado no “The Journal of Biological Chemistry”.
 

Existem dois tipos de vitamina A: a vitamina A pré-formada, também conhecida como retinol, presente na carne, peixe e produtos lácteos, e a pró-vitamina A, ou beta-caroteno, que pode ser encontrada em muitas frutas e legumes. Esta vitamina está envolvida no crescimento celular e contribui para um sistema imunológico e visão saudáveis.
 

Estudos anteriores demonstraram que, durante o desenvolvimento fetal, a vitamina A é essencial para a produção de células beta, células responsáveis pela produção de insulina. Contudo, segundo os investigadores do Colégio Médico de Weill Cornell, nos EUA, ainda não é claro se a vitamina A também desempenha este papel na idade adulta.
 

De forma a tentar aprofundar mais esta questão, os investigadores, liderados por Lorraine Gudas, analisaram o desenvolvimento das células beta em dois grupos de ratinhos adultos. Um dos grupos de ratinhos foi geneticamente modificado de forma a não ser capaz de armazenar a vitamina A através da alimentação, o outro funcionou como grupo de controlo.
 

O estudo apurou que as células beta dos ratinhos incapazes de armazenar vitamina A morriam, o que significa que estes animais eram incapazes de produzir insulina. Verificou-se também que a remoção da vitamina A da dieta dos ratinhos saudáveis conduziu a uma perda significativa das células beta, o que resultou na redução da produção de insulina e aumento dos níveis de glicose – dois fatores envolvidos na diabetes tipo 2. Contudo, quando os níveis de vitamina A foram restaurados, a produção das células beta aumentou, bem como os níveis de insulina. Por outro lado, a glicose voltou para níveis normais.
 

Na opinião dos investigadores, estes resultados indicam que níveis deficientes de vitamina A podem estar envolvidos no desenvolvimento da diabetes tipo 2. Lorraine Gudas refere que a forma como a remoção da vitamina A causa a morte das células beta é uma pergunta importante para a qual espera um dia ter resposta.
 

Os investigadores referem ainda que estes resultados também sugerem que uma forma sintética da vitamina A pode reverter a diabetes tipo 2.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.