Crianças internadas com pneumonia adenovírica em estado crítico

Director da Urgência apela ao não alarmismo

03 junho 2003
  |  Partilhar:

As duas crianças que se encontram internadas no Hospital de S. João, no Porto, com pneumonia adenovírica estão com respiração assistida e em estado muito grave - disse terça-feira à agência Lusa fonte daquele estabelecimento hospitalar.
 

 

Segundo o professor Almeida Santos, director da Urgência de Pediatria do Hospital Nacional de S. João (HNSJ), os dois meninos com nove e 27 meses encontram-se em respiração mecânica num estado «muito crítico».
 

 

No mesmo hospital está também internada uma outra criança, uma menina com cerca de um ano, que segundo o clínico, apesar de estar isolada, não inspira cuidados de maior.
 

Almeida Santos salientou à Lusa a necessidade de observar os cuidados de saúde pública que ajudam a diminuir a possibilidade de contrair as várias infecções provocadas pelo adenovírus - «na sua maioria benignas» - e considerou «despropositadas quaisquer situações de alarmismo».
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.