Cremes potencialmente cancerígenos à venda em Portugal

Agência Europeia está a avaliar as pomadas

22 março 2005
  |  Partilhar:

 

 

 

 

A Agência Europeia do Medicamento (EMEA) está desde há algum tempo a avaliar dois cremes indicados para o tratamento de eczemas (Protopic e Elidel) que a autoridade regulamentar do medicamento dos Estados Unidos (Food and Drug Administration) afirma serem potencialmente cancerígenos.
 

 

Os dois fármacos encontram-se à venda em Portugal, informa o Instituto Nacional da Farmácia e do Medicamento (Infarmed). Segundo nota informativa do Infarmed, os resultados de estudos realizados em animais, em condições de sobredosagem, indicam um risco técnico de desenvolvimento de cancro, mas não há evidência de aumento da taxa de ocorrência da doença em doentes tratados com estes fármacos, em comparação com a população em geral, lê-se. Os dois medicamentos estão comercializados na União Europeia.
 

 

Face à actual situação, o Infarmed recomenda, tal como aconselhou a FDA, que tanto o Elidel (da Novartis Farma) como o Protopic (laboratórios Fugisawa) sejam usados com muita moderação e apenas em situações em que outros produtos não tenham tido sucesso.
 

 

Para mais esclarecimentos, contactar a Linha Verde do Medicamento: 800 222 444 ou por correio electrónico centro.informacao@infarmed.pt.
 

 

Fonte: Público
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.