Cotonetes podem perfurar o tímpano

Estudo do Henry Ford Hospital

12 Maio 2011
  |  Partilhar:

Investigadores do Henry Ford Hospital, nos EUA, demonstraram existir uma relação directa entre o uso de cotonetes e a ruptura dos tímpanos que, na maior parte dos casos, cura-se por si, dado que a cirurgia é necessária apenas nos casos mais graves. Os resultados do estudo foram apresentados num encontro de otorrinolaringologia realizado em Chicago.

 

Mais da metade dos pacientes que procuram um otorrinolaringologista admite usar cotonetes para limpar os ouvidos. Mas se o cotonete é inserido demasiado profundamente no canal auditivo pode causar sérios danos, entre os quais a perfuração do tímpano, também conhecida como perfuração da membrana timpânica. As perfurações podem causar paralisia facial grave e vertigem.

 

No estudo, participaram 1.540 pacientes com perfuração da membrana timpânica, entre 2001 e 2010. Os pacientes com feridas causadas pelos cotonetes foram subdivididos em dois grupos: o de observação e o de cirurgia. Foram considerados como desfecho de sucesso os  casos que em que a perfuração da membrana timpânica sarou, ou em que  desapareceram ou melhoraram os problemas de vertigem e de paralisia facial.

 

A  ruptura do tímpano pode ser tratada de duas maneiras, dependendo da gravidade dos sintomas. O método de tratamento mais comum é a observação da perfuração pelo otorrinolaringologista, porque muitas vezes o tímpano pode curar-se, por si, em dois meses. No entanto, os casos graves têm que ser tratados com cirurgia.

 

Embora este estudo tenha mostrado que a maioria das rupturas de tímpano podem curar-se por si só dentro de dois meses (97%), deficits neurológicos, como paralisia do nervo facial necessitaram de cirurgia para reparar o dano. As intervenções cirúrgicas têm obtido muito sucesso e apenas um paciente teve um pequeno problema de vertigem que, no entanto, melhorou.

 

Segundo explicou o co-autor do estudo, Ilaaf Darrat, otorrinolaringologista no Hospital Henry Ford, "no passado, muitos otorrinolaringologistas questionavam-se se a cirurgia era realmente necessária para tratar um tímpano perfurado." "Os resultados deste estudo mostram que 97% dos casos curam-se por si só, de modo que muitos não necessitam de cirurgia", aponta o especialista, acrescentando que "se um paciente apresenta sintomas como perda auditiva, tontura ou irregularidades nos movimentos faciais, deve consultar um médico imediatamente para avaliar a possibilidade de danos à audição".

 

Em comunicado, o co-autor deste trabalho, Michael Seidman, director do departamento de cirurgia otológica e otoneurológica do mesmo hospital, recomenda que ao invés de usar cotonetes para limpar o ouvido, devem ser usadas outras alternativas, como uma mistura em partes iguais de água oxigenada (“cool peroxide”) e água uma ou duas vezes por mês ou aplicar quatro ou cinco gotas de vinagre e água uma vez por semana.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.