Contraceptivo masculino testado com sucesso

Tratamento hormonal trava produção de espermatozóides

05 outubro 2003
  |  Partilhar:

Um novo contraceptivo, desta vez destinado ao sexo masculino, acaba de revelar-se eficaz. O método, desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Anzac de Sidney, consiste num tratamento hormonal que trava a produção de espermatozóides. Os testes foram conduzidos em 55 casais australianos durante mais de um ano, tendo-se verificado que durante este período nenhuma das mulheres engravidou. Quanto aos homens, nenhum sofreu efeitos secundários.
 

 

Os homens receberam de três em três meses injecções com a hormona progestine, usada nas pílulas femininas. De quatro em quatro meses, era-lhes colocado um implante com a hormona masculina testosterona. Ao fim de 12 meses de testes, nenhuma das mulheres tinha engravidado.
 

A experiência é considerada pioneira, uma vez que anteriores estudos tinham-se limitado a verificar se a produção de espermatozóides diminuía.
 

 

David Andelsman, autor do estudo, reconhece que a amostra de casais deveria ser maior, mas os resultados revelados são já de si surpreendentes, confessa. «Não houve nenhuma gravidez no estudo. O número está ainda limitado a 55 mas é um bom resultado», afirmou em declarações esta segunda-feira à Sky News. Para engravidar basta interromper o tratamento, garantiu.
 

 

Fonte: Diário Digital
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.