Consumo diário de analgésicos associado a Hipertensão

Estudo apresentado no "Archives of Internal Medicine"

05 março 2007
  |  Partilhar:

 

O consumo diário de analgésicos, como paracetamol, ibuprofeno e ácido acetilsalicílico, aumenta o risco de Hipertensão, revela um estudo publicado nos "Archives of Internal Medicine".
 

 

No estudo, liderado pelo Epidemiologista John Forman, do Brigham and Women''s Hospital, Boston, EUA, foi constatado que os indivíduos que tomam paracetamol, seis a sete dias por semana, aumentam em 34% as suas possibilidades de ter uma tensão arterial acima da dos valores recomendados. Os maiores consumidores de ibuprofeno têm este risco aumentado para 38%, enquanto os que consomem diariamente ácido acetilsalicílico têm um risco de 26%.
 

 

Sobre as causas deste risco, os autores lembram que o paracetamol inibe as prostaglandinas (substâncias que dilatam os vasos sanguíneos) e afecta a função do endotélio (no interior dos vasos sanguíneos), dois factores que podem influenciar a tensão arterial.
 

 

Por seu lado, o ácido acetilsalicílico e o ibuprofeno bloqueiam a produção de prostaglandinas. Além disso, os fármacos da classe do ibuprofeno provocam uma maior reabsorção renal de sódio e água.
 

 

Estas três substâncias activas, que estão na base da composição de vários fármacos, são dos mais vendidos em Portugal, podendo ser comercializados sem receita médica. De acordo com a Fundação Portuguesa de Cardiologia (FPC), 42,1% da população portuguesa sofre de Hipertensão, sendo que apenas 39% estão a ser tratados e 61% desconhecem ter esta condição.
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

MNI- Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.