Conhecido vencedor do Grande Prémio Bial

Galardão vai para investigador Miguel Castelo Branco

07 maio 2009
  |  Partilhar:

O Grande Prémio Bial, o mais importante galardão na área da medicina em Portugal, foi na passada quarta-feira atribuído a Miguel Castelo Branco, director do Instituto Biomédico de Investigação da Luz e Imagem (IBILI) e professor auxiliar na Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra.

 

Além do Grande Prémio, foi também atribuído o Prémio Bial de Medicina Clínica, que este ano distinguiu a equipa liderada por João Eurico Fonseca, director da Unidade de Investigação em Reumatologia da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, que estudou as doenças reumáticas inflamatórias.

 

O júri do prémio Bial justifica a escolha para o Grande Prémio, entregue a Miguel Castelo Branco, com os novos métodos desenvolvidos pelo investigador (através da identificação de biomarcadores) que permitem uma identificação precoce de doenças visuais e cognitivas como as doenças de Parkinson, Alzheimer ou o glaucoma.
 

 

O Grande Prémio Bial tem o valor de 150 mil euros e, de acordo com declarações de Miguel Castelo Branco ao jornal “Público”, parte dessa verba será investida num projecto de investigação e reabilitação dedicado ao autismo.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.