Comportamentos de risco e a diabetes nas mulheres

O risco de diabetes pode ser reduzido com a adopção de hábitos saudáveis

19 setembro 2001
  |  Partilhar:

Um recente trabalho de investigação publicado na última edição do New England Journal of Medicine estabelece uma estreita ligação entre o risco de desenvolvimento de diabetes do tipo 2 e determinados comportamentos de risco. Os comportamentos de risco identificados na investigação foram: maus hábitos alimentares, falta de exercício, tabaco e abstinência de álcool.
 

 

O organismo das pessoas que têm este tipo de diabetes não produz insulina em quantidade suficiente pa as suas necessidades ou não é capaz de utilizar esta hormona com eficiência.
 

 

Esta pesquisa, coordenada por Frank Hu, professor no Departamento de Nutrição da Escola de Saúde Pública de Harvard, baseia-se no estudo dos estilos de vida de mais de 89 mil mulheres entre 1980 e 1996 através de questionários bienais. Um requisito importante para conferir validade a este trabalho era que estas mulheres não podiam ter diabetes, cancro ou qualquer doença cardiovascular no início do estudo. Ao longo dos dezasseis anos que durou esta investigação, foram diagnosticados 3300 casos de diabetes do tipo 2, normalmente em mulheres com mais de 40 anos.
 

 

O factor apontado por este estudo como o mais relevante para o desenvolvimento da diabetes do tipo 2 foi a obesidade. Os outros factores de risco apontados como responsáveis pelo risco acrescido para desenvolver esta doença foram a falta de exercício, a ingestão de grandes quantidades de gorduras e de açúcares, o tabaco e a abstinência do álcool.
 

 

Os autores constataram que 61% dos casos de diabetes que surgiram durante este estudo podem ser atribuídos à obesidade. Por outro lado, as mulheres que seguiram dietas pobres em gorduras e ricas em fibras, que não fumaram e que bebiam pequenas quantidades de álcool por dia (cerca de 5g álcool/dia) reduziram, relativamente às que tiveram comportamentos opostos, o risco de diabetes em cerca de 90%.
 

 

O coordenador deste estudo afirma peremptoriamente que “... a obesidade é um factor que nas mulheres está directamente relacionado com o aparecimento deste tipo de diabetes. O aumento da actividade física e a aquisição de hábitos alimentares saudáveis diminuem significativamente o risco de desenvolvimento de diabetes do tipo 2.”
 

 

Joaquina Pereira
 

MNI – Médicos na Internet
 

 

Fonte: WebMD

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.