Comércio de bairro e diminuição da mortalidade pela canícula

Estudo publicado na American Sociological Review

06 agosto 2006
  |  Partilhar:

 

A existência de lojas nos bairros, onde os idosos possam ir quando faz calor, parece funcionar como um antídoto contra as mortes em massa provocadas pela canícula, defende um estudo publicado pela American Sociological Review.
 

 

O estudo analisou a vaga de calor de Julho de 1995, em Chicago, que matou perto de oitocentas pessoas, numa semana. E os investigadores da Ohio State University descobriram que os bairros que registaram a maior taxa de mortalidade são os que não tinham lojas onde as pessoas mais velhas pudessem ir à sua vontade para se refrescarem.
 

 

Se as carências dos serviços públicos e a falta de solidariedade dos vizinhos têm a sua quota-parte de responsabilidade nesta vaga de mortes, as infra-estruturas comerciais dos bairros têm também um papel a desempenhar, salienta o estudo. Os bairros mais aglomerados de Chicago, onde se registaram mais mortes, "estavam comercialmente em declínio".
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.