Comer sem engordar: como explicar?

Algumas pessoas têm apetites vorazes mas não engordam. Mesmo sem fazer exercício. Uma nova descoberta publicada na revista Nature aponta para uma proteína muscular designada UCP-3 (\\

24 agosto 2001
  |  Partilhar:

Algumas pessoas têm apetites vorazes mas não engordam. Mesmo sem fazer exercício. Uma nova descoberta publicada na revista Nature aponta para uma proteína muscular designada UCP-3 ("Uncoupling Protein 3") que parece regular o ritmo metabólico.
 

 

Cientistas do Instituto SmithKline Beecham Pharmaceuticals produziram ratinhos que produzem quantidades excessivas de UCP-3. Estes ratinhos comem muito mais do que ratinhos normais mas permanecem magros e leves.
 

 

A moeda energética das células é o ATP, uma molécula produzida em estruturas chamadas mitocôndrias a partir dos nutrientes contidos nos alimentos. Esta "moeda" (energia) é depois aproveitada na síntese de novos componentes das células além de trabalho físico. A proteína UCP-3 actua impedindo que a produção de ATP a partir dos alimentos, obrigando a que a energia dos alimentos se perca como calor.
 

 

É como acontece num carro que está a trabalhar em ponto morto. O carro gasta combustível mas não anda. Como o organismo percebe que está a ficar com falta de ATP, aciona os mecanismos de mobilização de reservas gordas, que habitualmente só são gastas em situações de fome ou de grande desgaste físico, como durante a maratona.
 

 

Os ratinhos com excesso de UCP-3 não eram mais activos do que ratinhos normais mas os seus músculos eram mais quentes, levando os investigadores a suspeitar que a proteína UCP-3 trabalha de modo semelhante à chamda gordura castanha- um subtipo de gordura que permite sobretudo produzir calor e é abundante em recém-nascidos e animais que hibernam.
 

 

Estes resultados permitem acalentar a esperança de desenvolver métodos que permitam aumentar os níveis de UCP-3 nos músculos de pessoas obesas e, dessa maneira, tratar a obesidade.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.