Combinação de fármacos aumenta eficácia da quimioterapia e protege coração

Estudo divulgado na revista PNAS

30 setembro 2010
  |  Partilhar:

O sildenafil, fármaco para a disfunção eréctil vendido sob o nome de viagra, em conjunto com a doxorrubicina, um fármaco usado no tratamento do cancro, aumenta a sua eficácia antitumoral no cancro da próstata, diminuindo, ao mesmo tempo, os danos causados ao coração.

 

O agente quimioterápico doxorrubicina é usado, há mais de quatro décadas, para tratar uma série de tumores humanos, incluindo o da próstata. Apesar da eficácia clínica do fármaco para o tratamento do cancro, o seu uso está associado a um dano cardíaco irreversível, que muitas vezes se manifesta vários anos após a interrupção do tratamento.

 

Ao longo dos últimos 15 anos, os investigadores têm tentado encontrar uma intervenção terapêutica ideal para proteger o coração contra a citotoxicidade associada à doxorrubicina.

 

Neste estudo publicado na revista “Proceedings of the National Academy of Sciences” (PNAS), investigadores do Virginia Commonwealth University School of Medicine, nos EUA, referem ter encontrado uma combinação poderosa entre o sildenafil e a doxorrubicina. Segundo dão nota em comunicado de imprensa, esta associação de fármacos aumenta significativamente a geração de espécies reactivas de oxigénio que provocam a morte celular, ou apoptose, nas células de cancro de próstata. Os investigadores observaram igualmente que a combinação não prejudica as células epiteliais saudáveis da próstata.

 

Segundo o líder da investigação, Rakesh C. Kukreja, “o sildenafil poderá ser um excelente candidato a integrar nos protocolos de tratamento oncológico, dado ter o potencial de aumentar a eficácia antitumoral, protegendo o coração contra os danos a curto e a longo prazo provocados pela doxorrubicina”.

 

O próximo passo da equipa de cientistas será o de avançar com um ensaio clínico.

 


ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.