Cogumelo revela-se eficaz no tratamento do Cancro do Colo do Útero

Estudo do IPO de Coimbra

06 maio 2008
  |  Partilhar:

Um suplemento alimentar à base do cogumelo Coriolus Versicolor revelou "grande eficácia" no combate ao cancro do Colo do Útero, segundo um estudo do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Coimbra.
 

 

No trabalho, um grupo de 43 mulheres com lesões cervicais, provocadas pelo vírus do papiloma humano (HPV) e confirmadas através de citologia, colposcopia e biopsia, foi dividido ao acaso em dois subgrupos. A equipa foi co-liderada pelos investigadores José Silva Couto e Daniel Pereira da Silva.
 

 

Ficou demonstrado que o Coriolus Versicolor teve "grande eficácia, quer na regressão da displasia (lesão de baixo grau, LSIL), quer no desaparecimento do HPV de alto risco (HSIL), que "persiste após a cirurgia".
 

 

Um dos subgrupos (22 pacientes) recebeu suplementação com o cogumelo durante um ano, tomando seis comprimidos por dia, num total de três gramas. As restantes 21 doentes, o denominado "grupo controle", não foram abrangidas pelo tratamento.
 

 

Das 18 que tomaram o suplemento ao longo de um ano, 13 (72,5%) apresentaram "citologia cervical normal". Em contrapartida, das 21 pacientes que não receberam suplementação, apenas 10 tinham "citologia cervical normal". Entre as 43 doentes que iniciaram o ensaio, só 39 completaram o protocolo, levando até ao fim um ano de acompanhamento.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.