Coágulos sanguíneos no cérebro podem indicar demência

Estudo publicado no British Medical Journal

23 maio 2006
  |  Partilhar:

 

A detecção de coágulos sanguíneos no cérebro pode ser um sinal de risco acrescido de desenvolver demência, indicam os resultados de um estudo publicado no British Medical Journal.
 

 

De acordo com cientistas da Manchester University, no Reino Unido, a prevalência deste tipo de coágulos é muito maior em indivíduos que acabam por desenvolver uma demência como a doença de Alzheimer. Por outro lado, os responsáveis pelo estudo lembram que detectar precocemente este tipo de problemas pode ajudar a controlar os sintomas da demência.
 

 

MNI- Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.