Clonaid anuncia nascimento de mais dois clones humanos

Seita dos raelianos volta às declarações públicas

19 fevereiro 2003
  |  Partilhar:

A empresa Clonaid anunciou terça-feira o nascimento de mais dois bebés clonados, alegadamente nas últimas semanas, indicando ter iniciado o processo para conseguir uma segunda geração de seres humanos clonados.
 

 

A companhia anunciou no final de 2002 o nascimento do primeiro bebé clonado do mundo, mas nunca foi capaz de provar a existência do alegado clone. A clonaid, empresa ligada à seita religiosa dos raelianos, afirma já ter clonado cinco bebés.
 

 

Os dois últimos nascimentos teriam ocorrido em 27 de Janeiro e 04 de Fevereiro. Os pais do quarto bebé clonado seriam naturais da Arábia Saudita.
 

 

Segundo a Clonaid, os cientistas da companhia começaram a implantar óvulos fecundados com técnicas de clonagem em 20 mulheres, naquilo que designou por «segunda geração» de bebés clonados.
 

 

Em comunicado divulgado terça-feira, a Clonaid indicou que os pais dos bebés clonados «estão a formar uma associação em defesa dos seus direitos para o caso de decidirem dar-se a conhecer publicamente».
 

 

Ao anunciar o alegado nascimento do primeiro clone, a empresa comprometeu-se a deixar cientistas independentes averiguar a veracidade do acontecimento, o que nunca aconteceu até agora. A Clonaid justificou que os pais da primeira criança clonada recuaram na decisão de deixar realizar testes genéticos ao bebé, receando problemas com a justiça.
 

 

A Clonaid é uma empresa de biotecnologia ligada aos raelianos, uma seita que acredita que os humanos foram criados a partir de ADN (ácido desoxirribonucleico) doado por uma raça extraterrestre.
 

 

A empresa, fundada para comercializar a tecnologia da clonagem, foi criada por Claude Vorilhon, um francês conhecido pelos seus seguidores como Rael. Vorilhon é o fundador do movimento raeliano, com sede no Quebeque (Canadá), e que assegura contar com 50.000 seguidores em todo o mundo.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.