Cirurgias nos hospitais aumentam apenas na região Norte
03 agosto 2005
  |  Partilhar:

 

Os hospitais do sector público administrativo (SPA) da zona norte foram os únicos a aumentar o número de cirurgias em 2004, segundo dados do Ministério da Saúde.
 

As 15 unidades da região realizaram ao todo mais 5290 operações do que no ano anterior, incluindo as da actividade normal e a recuperação de listas de espera. Um crescimento que é contrariado no Centro do país (que diminuiu em 2,4% a produção, com menos 2074 intervenções), em Lisboa e Vale do Tejo (menos 1878 cirurgias, numa quebra de 2,5%) e no Alentejo e Algarve (menos 117 operações, 1% das cirurgias).
 

 

Na zona de Lisboa, apenas o Hospital de Santa Maria conseguiu registar um aumento do número de intervenções, fazendo mais 1500 operações do que no ano anterior, o que representa um crescimento na ordem dos 8%. No entanto, as intervenções no Curry Cabral desceram em 26,6% as intervenções cirúrgicas e 62,2% as cirurgias de ambulatório. No São José a quebra foi de 3,9%, 3,6% nos Capuchos e 15,9% no Centro Hospitalar de Torres Vedras.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.