Cirurgias de ambulatório quase quadruplicaram

Dados revelados pelo coordenador do Sistema Integrado de Gestão de Inscritos para Cirurgia

25 fevereiro 2009
  |  Partilhar:

As cirurgias de ambulatório quase quadruplicaram entre 2007 e 2008, um aumento que se deveu à capacidade dos hospitais em criar condições para a sua realização, revelou à agência Lusa o coordenador do Sistema Integrado de Gestão de Inscritos para Cirurgia (SIGIC).
 

 

Em declarações à agência Lusa, o coordenador do SIGIC, Pedro Gomes, avançou que “de Dezembro de 2007 para Dezembro de 2008, passou-se de 40 mil cirurgias em ambulatório para 144 mil”.
 

 

Pedro Gomes salientou que este crescimento beneficiou dos espaços criados pelos hospitais e instituições para a realização destas intervenções cirúrgicas, em que o doente é intervencionado e regressa a casa no mesmo dia para fazer a recuperação. “A cirurgia de ambulatório era mal desenvolvida em Portugal e está agora a crescer significativamente”, sublinhou o responsável, congratulando-se com os resultados obtidos no último ano, que superaram as expectativas.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.