Cirurgia bariátrica diminui necessidade de medicação em diabéticos

Estudo publicado nos “Archives of Surgery”

02 setembro 2010
  |  Partilhar:

A cirurgia bariátrica diminui a necessidade de medicação para a diabetes tipo 2 em pessoas obesas que também sofram desta doença, revela um estudo publicado nos “Archives of Surgery”.

 

Para este estudo os investigadores da Johns Hopkins Bloomberg School of Public Health e da Johns Hopkins University School of Medicine, em Baltimore, EUA, contaram com a participação de 2.235 indivíduos com uma média de idade de 48,4 anos, que sofriam de diabetes tipo 2 e que, num período de quatro anos, tinham sido submetidos a cirurgia bariátrica.

 

Do total dos participantes, 85,5% estavam a fazer medicação antes da cirurgia. O estudo revelou que, seis meses após a cirurgia, 74,7% dos participantes não tinha necessidade de fazer medicação para a diabetes. Ao fim de um ano, este número aumentou para 80,6% e ao fim de dois para 84,5%. Esta redução de medicação foi verificada em todas as classes de medicamento para a diabetes.

 

Em comunicado enviada à imprensa, os autores do estudo, liderados por Martin A. Makary, revelaram que ʺa não necessidade de medicação foi quase imediata nos meses iniciais após a cirurgia e não se correlacionou com a perda de peso gradual esperada". Na opinião dos autores, este facto vem suportar a teoria de que a cura da diabetes não se deve apenas à perda de peso, mas é também mediada pelas seguintes hormonas gástricas: o peptídeo YY, o glucangon like peptide e o polipeptídeo pancreático.

 

Os autores do estudo concluem assim que a cirurgia bariátrica em doentes obesos e com diabetes tipo 2 mostrou ter ʺ várias implicações importantes para a prestação de cuidados de saúde e políticas públicas", dado que, para além dos benefícios para a saúde do doente, este procedimento também contribui para a redução de custos com a saúde.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A
 

Partilhar:
Classificações: 2Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.