Circuncisão como meio de prevenir a transmissão do HIV

OMS recomenda medida

30 março 2007
  |  Partilhar:

 

A circuncisão foi esta semana considerada como um meio suplementar de prevenir e reduzir o risco de transmissão heterossexual do vírus da Sida (HIV), anunciou a Organização Mundial de Saúde (OMS), após consulta a um painel de especialistas.
 

 

Segundo a OMS e a agência especializada das Nações Unidas ONUSIDA, milhões de vidas poderiam ser salvas, sobretudo na África Negra, se a circuncisão se generalizasse, desde que fossem também reforçados os cuidados de saúde e que os homens circuncidados não adoptem comportamentos de risco por acreditarem estar totalmente protegidos.
 

 

As recomendações resultaram de uma consulta internacional a especialistas organizada entre 6 e 8 de Março na Suíça.
 

 

De acordo com três estudos realizados em África (Quénia, Uganda e África do Sul), a circuncisão permite reduzir em cerca de 60% o risco de transmissão heterossexual do VIH ao homem.
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.