Cigarros eletrónicos deveriam ser proibidos para menores

Recomendação da Organização Mundial de Saúde

28 agosto 2014
  |  Partilhar:

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomendou a proibição da venda de cigarros eletrónicos a menores de idade, por considerar que o consumo acarreta "ameaças graves" para os adolescentes, crianças e fetos.
 

A notícia avançada pela agência Lusa refere que os peritos aconselharam também proibir-se o consumo de cigarros eletrónicos em espaços públicos fechados.
 

"As provas existentes mostram" que os cigarros eletrónicos "não são simples 'vapor de água'", como argumentam frequentemente os fabricantes e o seu consumo em espaços públicos fechados deve ser proibido "a menos que seja provado que esse vapor exalado não é perigoso para quem está mais próximo", afirmou.
 

De acordo com a OMS, existem provas suficientes para fazer uma advertência para "crianças, adolescentes, grávidas e mulheres em idade fértil" relativa às consequências a longo prazo que pode ter o consumo do cigarro eletrónico no "desenvolvimento do cérebro".
 

A Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP) considera esta recomendação “importantíssima”. “O cigarro eletrónico foi algo que surgiu num vazio de legislação”, revelou à agência Lusa a coordenadora da Comissão de Tabagismo da SPP, Ana Figueiredo.
 

A coordenadora acrescentou que os cigarros eletrónicos contêm nicotina, podendo por isso provocar dependência e o início do consumo de tabaco. “Tem todo o sentido que seja proibida a venda a menores”, defendeu a especialista, manifestando esperança que depois do período de férias seja retomada a discussão para criar legislação em Portugal.
 

“Neste momento, o problema dos cigarros eletrónicos é que não sabemos ainda os efeitos que têm ao nível da saúde. De qualquer forma, é uma substância que está a ser inalada e não é suposto inalarmos substâncias, sejam elas quais forem, ainda mais em criança”, conclui.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.