Cientistas planeiam mapa do genoma do cancro

Investigação vai demorar 9 anos

12 abril 2005
  |  Partilhar:

 

 

Cientistas de centros pioneiros na investigação oncológica nos Estados Unidos planeiam elaborar um catálogo completo de todas as anomalias genéticas que caracterizam o cancro, de modo a conhecer melhor a doença.
 

 

Para Francis Collins, director do Instituto de Investigação sobre o Genoma Humano (NHGRI) dos EUA, um mapa do genoma do cancro daria aos investigadores «novos meios poderosos para prevenir, diagnosticar e tratar todas as formas importantes da doença».
 

 

«Embora o projecto esteja ainda numa fase conceptual, contamos trabalhar com o Instituto Nacional do Cancro para explorar os meios de o pôr em prática», acrescentou, confirmando uma notícia da edição de segunda-feira do New Iorque Times (NYT).
 

 

O projecto de genoma do cancro humano (Human Cancer Genome Project/HCGP), tal como é agora designado, será mais extenso que o projecto do Genoma Humano, segundo investigadores citados pelo jornal.
 

 

A meta do HCGP é determinar a sequência do ADN (ácido desoxirribonucleico) de pelo menos 12.500 amostras de tumores, 250 por cada um dos 50 principais tipos de cancro, para as comparar com a sequência de células sãs.
 

O projecto, de nove anos, está orçado em 1,35 mil milhões de dólares, mas ninguém sabe ainda de onde virão os financiamentos, de acordo com fontes do instituto citadas pelo jornal.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.