Cientistas desenvolvem sangue universal

Trabalho publicado na revista “Nature Biotechnology”

04 abril 2007
  |  Partilhar:

Uma equipa de cientistas descobriu que um grupo de enzimas pode converter os grupos sanguíneos A, B e AB no agrupamento O ao eliminar moléculas antigénicas, neste caso açúcares, que determinam o grupo sanguíneo. O trabalho foi elaborado por Gerlind Sulzenbacher, Yves Bourne e Bernard Henrissat, do Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS), França, em colaboração com a sociedade norte-americana ZymeQuest, e publicado na edição deste mês da revista “Nature Biotechnology”. O grupo O é descrito como universal porque pode ser usado em todas as transfusões, mas uma pessoa deste agrupamento apenas poderá receber sangue do mesmo grupo. O grupo AB é receptor universal. O sistema de classificação é definido pela presença ou ausência de antigénios A, B ou AB na superfície dos glóbulos vermelhos. Quando não existem essas moléculas, o grupo é O e na presença dos dois tipos de moléculas o agrupamento é o AB. As pessoas produzem anticorpos contra os antigénios que não têm, por isso os grupos A, B e AB só podem ser dados a pacientes com o tipo de sangue compatível. (Os antigénios são normalmente proteínas ou polissacarídeos que podem estimular a formação de anticorpos.) As duas famílias de enzimas descobertas pelo Laboratório Archictecture e a função das macromoléculas biológicas do CNRS "são capazes de eliminar as moléculas de galactose ou de N- acetilgalactosamina" da superfície dos glóbulos vermelhos que originam os grupos A, B e AB, indicou o CNRS. O centro precisou ainda que as "propriedades únicas e a grande eficácia destas duas novas famílias de enzimas permitem considerar a conversão a grande escala dos grupos sanguíneos A, B, e AB no agrupamento O". Fontes: Lusa e Imprensa Internacional MNI- Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.