Cientistas desenvolvem foto-medidor de açúcar no sangue para diabéticos
24 abril 2002
  |  Partilhar:

Cientistas japoneses da Universidade de Hokkaido e do sector privado desenvolveram um sistema que mede os níveis de açúcar no sangue em diabéticos através da luz, tornando desnecessária a sua recolha.
 

 

"Esperamos que os pacientes melhorem substancialmente a sua qualidade de vida graças a esta técnica", disse Mamoru Tamura, professor de bioespectrometria do Instituto de Investigação das Ciências Electrónicas.
 

 

O sistema utiliza um feixe de luz que emite raios quase infravermelhos para o braço do paciente e aproveita a capacidade de absorção parcial dos mesmos para medir a concentração de glicose no sangue.
 

 

O dispositivo regista a quantidade de luz repelida, calculando desta forma os níveis de açúcar no sangue com uma margem de erro de 15 por cento, que, segundo os cientistas japoneses, está dentro dos limites estabelecidos pela Agência norte-americana para os Fármacos e Alimentos (FDA).
 

 

Este método começou a ser utilizado em ensaios clínicos no hospital Memorial de Seiwa, em Sapporo, a capital da província de Hokkaido.
 

 

Para Tamura, falta ainda melhorar a precisão do novo sistema e torná-lo mais pequeno para que os diabéticos possam levá-lo consigo para qualquer lugar e medir assim os níveis de açúcar até quatro vezes por dia.
 

 

O medidor foi concebido como parte de um projecto científico que tem por objectivo desenvolver um pâncreas artificial e no qual colabora uma das maiores empresas de electrónica de consumo japonesa.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.