Cientistas descobrem o maior fungo europeu

Cogumelo encontrado numa floresta suíça

08 outubro 2004
  |  Partilhar:

Cientistas suíços descobriram o que julgam ser o maior fungo europeu, que se estende por uma extensa área no subsolo de uma floresta alpina.Conhecido como o cogumelo do mel, ou pela sua designação latina Armillaria ostoyae, o fungo foi encontrado oculto no Parque Nacional Engadine nos Alpes suíços orientais, anunciou o Instituto Federal para a Investigação sobre Floresta, Neve e Paisagem.Abrangendo uma área de 35 hectares, o fungo deverá ter mil anos de idade, referiu o instituto. Este fungo subterrâneo só é visível no Outono, quando os seus cogumelos irrompem pela terra e crescem à volta das raízes das árvores, segundo a mesma fonte. Embora inofensivo para as pessoas, já que é comestível, este fungo parasita pode colonizar certas árvores, como os pinheiros, causando-lhes a morte. Em termos de tamanho, o fungo suíço só é batido por outro cogumelo do mel que cresce nos Estados Unidos.Descoberto na Floresta Nacional de Malheur, no leste do estado de Oregon, esse fungo subterrâneo tem 2.400 anos e cobre uma área 890 hectares, o que o torna o maior organismo vivo até agora descoberto.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.