Cientistas defendem que Cromossoma 1 pode albergar gene do alcoolismo
01 maio 2001
  |  Partilhar:

Cientistas norte-americanos localizaram uma área do "cromossoma 1" onde poderá encontrar-se o gene ou genes que predispõem para o alcoolismo, o que pressupõe novos apoios para a teoria que considera este grave problema como hereditário.
 

 

Os investigadores ainda não descobriram a identificação concreta dos genes responsáveis, mas encontraram evidências de que uma região concreta desse cromossoma alberga os genes responsáveis pelo alcoolismo e também pela depressão.
 

 

Os genes podem predispor uma pessoa para o alcoolismo, mas a sua presença no ADN humano não significa o aparecimento imediato da doença, pois os factores ambientais são considerados mais importantes que os genéticos.
 

 

John Nurnberger, director do Instituto de Investigação Psiquiátrica da Universidade de Indiana, conduziu uma equipa que investigou características genéticas de irmãos com alguns dos progenitores alcoólicos.
 

 

"Os resultados sugerem que um gene ou genes no cromossoma 1 podem predispor alguns indivíduos para o alcoolismo e outros à depressão, que pode ser induzida pela ingestão de álcool", assinalam os investigadores como principais conclusões do trabalho.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar