Centros de Saúde passam a dar preservativos gratuitos e pílula para seis meses

Declarações do coordenador do Programa Nacional de Saúde Reprodutiva

13 fevereiro 2008
  |  Partilhar:

Os preservativos vão ser distribuídos gratuitamente nos centros de saúde, na quantidade que os utentes desejarem. Também a pílula poderá ser levantada para um período de seis meses e sem necessidade de consulta.
 

 

Em declarações à Lusa, Jorge Branco o coordenador do Programa Nacional de Saúde Reprodutiva, referiu que o objectivo é ter todos os centros de saúde a distribuírem gratuitamente os preservativos.
 

 

Os preservativos já são distribuídos gratuitamente nos centros de saúde, mas o objectivo é promover esta oferta “sem entraves” e sem limites. Os utentes que queiram ir buscar os preservativos gratuitos apenas terão de estar inscritos no centro de saúde.
 

 

Também a distribuição da pílula está a sofrer alterações, prevendo Jorge Branco que todos os centros de saúde passem em breve a distribuir este anticoncepcional para seis meses de protecção. A pílula será entregue à mulher ou ao seu parceiro, sem que seja necessária uma consulta, adiantou.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.