Centro de investigação da Covilhã vai ter consultas médicas

Declarações do responsável do centro

28 março 2016
  |  Partilhar:

O centro de investigação científica e tecnológica para a área da saúde da Universidade da Beira Interior, o UBIMedical, vai disponibilizar consultas médicas de Endocrinologia e Medicina do Viajante.
 

O diretor do UBIMedical, Manuel Lemos, referiu à agência Lusa que a aposta inicial nas referidas especialidades também teve em conta lacunas existentes em termos de serviço público na região.
 

"Este é um espaço em que será possível aproveitar os recursos existentes – instalações, equipamentos e recursos humanos – para poder prestar serviço à comunidade. Assim, na primeira fase, arrancaremos em duas especialidades que considerámos prioritárias em virtude das lacunas e da carência que existe em termos oferta pública na Beira Interior", disse, especificando que nenhum dos hospitais da região tem consultas destas especialidades.
 

O projeto de prestação de consultas conduziu à criação da Clínica UBIMedical, que está devidamente certificada pela Entidade Reguladora da Saúde, onde o utente poderá aceder ao serviço mediante marcação prévia e respetivo pagamento.
 

Os preços já estão estipulados e variam entre os 40 e os 70 euros, enquadrando-se nos valores que são praticados no setor privado. "Não queremos afirmar-nos pelo preço, mas sim pela qualidade", acrescentou.
 

Manuel Lemos referiu que esta também "é uma oportunidade de o UBIMedical gerar receitas próprias, que possam ser investidas na investigação e que possam ser um contributo para a autossustentabilidade" que este centro de investigação pretende alcançar. Para já só estão previstos descontos para a comunidade académica, e os serviços serão assegurados exclusivamente pelos médicos da Faculdade de Ciências da Saúde.
 

O responsável adiantou igualmente que as consultas devem ser progressivamente alargadas a outras especialidades médicas.
 

O UBIMedical é um centro de investigação científica e tecnológica para a área da saúde que começou a funcionar em março de 2015. Com mais de dois mil metros quadrados construídos, este centro tem uma área laboratorial destinada à investigação, bem como uma área para a incubação de empresas.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.