Células de gordura da pele promissoras contra a calvície

Estudo publicado na revista “Cell”

14 outubro 2011
  |  Partilhar:

As células de gordura da pele têm sido identificadas como uma fonte de produtos químicos necessários para fazer crescer o cabelo, aponta um estudo publicado na revista “Cell”.

 

Experiências realizadas por cientistas da Universidade de Yale, EUA, com ratinhos sugerem que as células estaminais dos pêlos são controladas por gordura. A injecção de um tipo de célula de gordura estimulou o crescimento do pêlo nos ratinhos que, de outra forma, tinham dificuldade em crescer.

 

Segundo os cientistas houve um aumento de quatro vezes no número de células “precursoras” de gordura na pele em torno de um folículo piloso quando ele começou a crescer.

 

Analisando os roedores que não podiam produzir essas células de gordura, verificaram que o pêlo normalmente crescia em ciclos, mas nestes ratinhos os folículos ficavam “presos” na fase latente do ciclo.

 

Os cientistas injectaram células de gordura de ratos saudáveis em roedores incapazes de produzir células de gordura. Duas semanas depois, os folículos capilares começaram a crescer. As células de gordura precursoras produziram uma substância química – um factor de crescimento derivado das plaquetas – a 100 vezes o nível de células vizinhas. Injectar o factor de crescimento na pele destes roedores foi a rampa de lançamento para o crescimento dos folículos na ordem dos 86%.

 

Os investigadores pretendem continuar a pesquisar outros produtos químicos que possam estar envolvidos no processo. No entanto, advertem não saber ainda se será possível usar as descobertas para reverter a calvície em seres humanos.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.