Casamentos em perigo

Kit de infidelidade vendido pela Internet detecta sémen

19 novembro 2001
  |  Partilhar:

Se sofre com os «desaparecimentos» misteriosos do seu marido durante o fim-de-semana ou se desconfia que depois do horário de trabalho, ela dedica o tempo a uma família paralela, pode ficar descansado pois existe um método de tirar todas essas dúvidas.
 

 

Um novo «kit de infidelidade» vendido pela Internet promete detectar os infiéis através de pequenos vestígios de fluídos corporais. Para quem ache ser esta a solução ideal, a desconfiança deixará de atormentar a sua mente.
 

 

Para tal, um marido desconfiado só precisa de uma peça de roupa suspeita e de apenas cinco minutos. Se o resultado for púrpura, isso significa que foi detectado sémen. Mas não se precipite nas acusações ao seu cônjuge, pois este teste não consegue indicar a quem pertence o fluído.
 

 

Este facto continua a ser um verdadeiro quebra-cabeças para quem suspeite da infidelidade do parceiro, mas para os vendedores do teste, o kit é verdadeiro milagre. Jonathan Friedman, da empresa Commercial and General, que distribui o kit, apresentou à Reuters um mini manual de utilizador. « As roupas interiores são as melhores peças a utilizar se quiser fazer o teste». Mas não é tudo: «a parte de dentro de t-shirts, blusas, pijamas e estofos de automóveis também são importantes.»
 

 

Por mais estranho que o produto possa ser, a empresa afirmou que milhares de pessoas desconfiadas pagaram o equivalente a 89 dólares pelo kit CheckMate.
 

 

E se tudo parece uma verdadeira aberração, casos relatados ao site da empresa atestam a eficácia do produto. Na página oficial, (Getchekmate) uma mulher da Califórnia contou ter efectuado o teste com a roupa do marido. A cor púrpura tirou-lhe todas as dúvidas. «Encontrei sémen. E este foi o argumento para tirar-lhe as quatro crianças e pedir o divórcio. Isso é o máximo. Agora posso transformar a vida dele num inferno».
 

Embora este tipo de testes levante questões éticas, em geral, e sobre o direito à privacidade, em particular, a verdade é que, segundo aponta o site, muitas pessoas ansiavam por este tipo de resolução para casamentos à beira da ruína.
 

 

Um jovem soldado completamente «abatido» contou que a sua mãe realizou o teste usando roupas interiores da mulher dele, enquanto este viajava em trabalho. O resultado: uma triste mancha púrpura e uma igualmente triste confissão de um caso com o melhor amigo dele.
 

 

Uma curiosidade revelada ainda pelo site aponta para alguns estereótipos sociais. São as mulheres, numa percentagem de 55 por cento dos casos, quem compram mais este produto. E cerca de 40 por cento das pessoas têm mais 40 anos. Cerca de metade encontrava-se casada há mais de 15 anos.
 

 

Paula Pedro Martins
 

MNI - Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.