Casal britânico quer cirurgia plástica para filha com síndrome de Down

Caso relatado pela BBC

30 março 2008
  |  Partilhar:

Os pais de uma criança de dois anos -portadora da síndrome de Down- querem submeter a filha a uma cirurgia plástica para ajudar a criança a "sentir-se mais aceite pela sociedade" e "aumentar a sua auto-estima", refere uma notícia veiculada pela BBC.
 

 

Ophelia é filha de um reputado cirurgião plástico britânico, Lawrence Kirwan, e da sua mulher, Chelsea, que já se submeteu a mais de dez cirurgias plásticas.
 

 

De acordo com a BBC, a decisão sobre o procedimento cirúrgico de correcção das deficiências físicas será tomada se, ao atingir os 18 anos, a criança for tratada de maneira injusta por causa da sua aparência.
 

 

Este não é o primeiro polémico a chamar a atenção da imprensa britânica. Em 1998, a história de Georgia Bussey, que aos cinco anos já tinha passado por três cirurgias plásticas, gerou celeuma depois da exibição de um documentário na televisão britânica. A primeira destinou-se a encurtar a língua para que não saísse naturalmente fora da boca, a segunda removeu uma porção de pele das pálpebras para evitar a aparência associada à síndrome e a terceira fixou as orelhas para evitar que sobressaíssem.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.