Cartilagem a partir de células-estaminais produzidas em laboratório

Estudo publicado na revista científica Tissue Engineering

01 fevereiro 2006
  |  Partilhar:

Células de cartilagem foram criadas a partir de células-estaminais embrionárias, aumentando a perspectiva de encontrar novas formas de tratar ferimentos, de acordo com cientistas britânicos. Os cientistas do Imperial College, de Londres, converteram células-estaminais lado a lado com células cartilaginosas. O estudo publicado na revista científica Tissue Engineering refere que esta descoberta poderá ajudar a tratar lesões sofridas em actividades desportivas, operações à anca e cirurgias plásticas. A investigação envolveu o desenvolvimento de células-estaminais embrionárias humanas ao lado de células cartilaginosas, também chamadas de condrócitos. Tudo isto foi feito em laboratório, usando um sistema especial que encoraja as células-estaminais a transformarem-se em células cartilaginosas. Quando os resultados foram comparados com o puro e simples desenvolvimento de células-estaminais embrionárias humanas, a mistura com os condrócitos apresentou níveis mais elevados de colagénio, a proteína que constitui as cartilagens. As células modificadas foram então testadas em ratinhos, com sucesso. Segundo os autores do estudo serão necessários pelo menos cinco anos para que a técnica possa ser usada no tratamento de seres humanos. MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.