Cannabis previne ataques cardíacos

Estudo publicado na revista Nature

17 abril 2005
  |  Partilhar:

 

 

A cannabis pode impedir a obstrução das artérias e prevenir ataques do coração e apoplexias, segundo um estudo científico divulgado na revista Nature.
 

 

Os especialistas determinaram que o componente activo da cannabis, o chamado THC, não só afecta o cérebro, provocando um aparente efeito de «felicidade», mas também se repercute nos vasos sanguíneos.
 

 

A experiência, realizada com ratinhos na Universidade de Genebra, Suíça, permitiu estabelecer que o THC (ou delta-9-tetrahydrocannabinol) bloqueia o processo de inflamação, principal responsável pela obstrução das artérias.
 

 

Quando uma inflamação entra em contacto com depósitos de gordura são produzidas placas que provocam a obstrução, o que dá origem à arteriosclerose, doença considerada a primeira causa de enfartes e apoplexias no mundo ocidental.
 

 

Os cientistas do centro suíço submeteram os ratos a uma dieta rica em colesterol, com o objectivo de desenvolver placas, para depois introduzirem o THC nos alimentos dos animais.
 

 

A experiência mostrou que, após consumir esse componente da cannabis durante 11 meses, em doses muito pequenas, as obstruções nas artérias tinham «diminuído significativamente».
 

 

Segundo os autores do estudo, a descoberta pode abrir uma via para a prevenção da arteriosclerose, enquanto outros especialistas advertem que esses resultados não significam que «fumar cannabis seja bom para o coração», segundo o cientista americano Michael Roth.
 

 

Traduzido e adaptado por:
 

Paula Pedro Martins
 

Jornalista
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar