Cannabis pode ajudar doentes com esclerose múltipla

Um comprimido da substância alivia sintomas da doença

10 novembro 2003
  |  Partilhar:

Um comprimido de cannabis parece aliviar alguns dos sintomas da esclerose múltipla, segundo o primeiro estudo científico rigoroso sobre esta controversa droga, publicado na semana passada na revista médica britânica The Lancet.Comparando doentes que tomaram o comprimido com outros a quem foi dado um placebo, a investigação refere que embora os testes médicos não tenham detectado melhoras, mais doentes do primeiro grupo disseram sentir redução de dores do que os outros.Os resultados mistos tornam todavia difícil a interpretação, com alguns médicos a destacar as melhoras notadas pelos pacientes e outros a frisar que esses resultados não foram comprovados nos testes feitos.A esclerose múltipla, uma doença crónica, inflamatória, desmielizante e degenerativa do sistema nervoso central, causa uma série de sintomas crónicos, nomeadamente rigidez muscular e espasmos, dor, tremuras, fadiga, depressão e problemas de bexiga, sendo progressivamente incapacitante.É uma doença difícil de estudar por ser imprevisível e ter sintomas difíceis de medir, sendo que os tratamentos convencionais não oferecem alívio adequado, levando os pacientes a procurar soluções alternativas como o cannabis e os seus principais componentes activos, os canabinóides.Fonte: Lusa  

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.