Canhotos pensam mais rápido que os destros

Estudo publicado na “Neuropsychology”

16 agosto 2010
  |  Partilhar:

Os canhotos pensam mais rápido dos que os destros, sugere um estudo publicado na revista “Neuropsychology”.

 

O estudo, da Associação Americana de Psicologia, indica que os canhotos são mais rápidos no processamento de múltiplos estímulos cerebrais do que os destros. Contudo, Nelson Lima, neuropsicólogo e membro do Instituto da Inteligência, referiu à agência Lusa que essa teoria pode ser verdadeira mas “varia de caso para caso porque cada pessoa tem uma estrutura cerebral e um funcionamento muito particular”.

 

“De facto há estudos que apontam para a hipótese de que os esquerdinos tenham uma rapidez de raciocínio em determinadas áreas, especificamente no raciocínio lógico matemático e também na inteligência verbal e na inteligência espacial, mas isto carece de novos estudos que o venham a confirmar”, diz o neuropsicólogo.

 

Nelson Lima explicou que o raciocínio lógico matemático é o que comanda a racionalidade, o pensamento objectivo, o planeamento ou a rapidez de resposta nas actividades que exijam menos envolvimento emocional e que a inteligência espacial comanda a capacidade de nos orientarmos no espaço que nos rodeia. “Aparecem muitos esquerdinos com essas habilidades mais desenvolvidas do que pessoas com igual nível de inteligência, mas que não são esquerdinos”, acrescentou.

 

“Não quer dizer que haja mais esquerdinos sobredotados do que destros, mas o que acontece é que dentro dos esquerdinos há um elevado número de crianças sobredotadas e este simples facto dá que pensar, mas carece de maior investigação para tentar perceber porque é que isso acontece”, defendeu Nelson Lima, acrescentando não haver dados estatísticos concretos.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A

Partilhar:
Classificações: 3Média: 4.7
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.