Cancro: Mais perto da cura

Investigadora portuguesa dá mais um passo na compreensão da doença

03 maio 2004
  |  Partilhar:

Uma investigadora portuguesa deu mais um passo na compreensão das células cancerosas descobrindo que a estrutura dos cromossomas regula uma enzima que é activada anormalmente em caso de cancro.A equipa de investigação, cuja descoberta foi divulgada sexta-feira na revista norte-americana «Cell», uma das mais conceituadas neste domínio, concluiu que a telomerase, uma enzima que permite manter a integridade do material genético, reage apenas com alguns cromossomas, os que têm extremidades (telómeros) mais curtas.Em entrevista à Lusa, a cientista portuguesa explicou que a telomerase é essencial para a manutenção do tamanho dos telómeros, de tal modo que quando estes encurtam, mudando de estrutura, a enzima reage.«Em células sãs, os telómeros encurtam a cada geração levando ao envelhecimento natural, mas nas células cancerosas a telomerase é reactivada, mantendo o tamanho dos telómeros e permitindo a proliferação indefinida e caótica destas células, ou seja, iniciando um processo de cancro», afirmou Teresa Teixeira.De acordo com a investigadora portuguesa, a descoberta sob a forma como esta enzima age nos telómeros é «um contributo importante para os cientistas que trabalham a nível da inibição da telomerase para curar o cancro».A telomerase normalmente só é activa nas células germinais (os óvulos e espermatozóides) e nas células estaminais (células que se podem transformar em qualquer tipo de tecido), mantendo-se «silenciosa» nos restantes casos, a não ser que seja activada nas células cancerosas.A equipa de Teresa Teixeira realizou este estudo ao longo de dois anos no Instituto Suíço de Investigação Experimental sobre o Cancro, em colaboração com outras entidades suíças. Teresa Teixeira, de 31 anos, concluiu o seu pós-doutoramento neste instituto em 2003, e encontra-se presentemente com o estatuto de bolseira no Institut Pasteur de Paris.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.