Cancro: identificado novo alvo terapêutico

Estudo publicado na revista “Nature”

14 setembro 2016
  |  Partilhar:

Investigadores americanos identificaram uma proteína que pode funcionar como um novo alvo terapêutico contra o cancro, sugere um estudo publicado na revista “Nature”.
 

A proteína, conhecida por cinase supressora da Ras (ou KSR) é uma pseudoenzima que desempenha um papel importante na transmissão de sinais na célula que determina se a célula cresce, se divide ou morre.
 

Os investigadores da Escola de Medicina de Icahn, nos EUA, demonstraram que ter por alvo a KSR pode ter implicações terapêuticas importantes, aumentando potencialmente o resultado de muitos cancros agressivos, como o do pulmão ou do pâncreas.
 

O Ras é o gene associado ao cancro humano mais frequentemente mutado. Apesar dos recentes avanços, as opções terapêuticas que têm por alvo os cancros dependentes do Ras ainda são limitadas. Estudos anteriores já tinham sugerido a possibilidade de atingir as formas oncogénicas do Ras via KSR, contudo até à data ainda não tinham sido reportadas abordagens farmacológicas.
 

Arvin Dar, o líder do estudo, refere que há muito que se pensa em fármacos que tivessem por alvo os cancros dependentes do Ras. Neste estudo, os investigadores utilizaram variantes genéticas conhecidas na KSR que impedem a sinalização via Ras mutada para guiar o desenvolvimento de compostos.
 

O estudo apurou que o composto APS-2-79 era capaz de modular a sinalização via Ras e aumentar a potência de outros fármacos anticancerígenos em linhas celulares com o Ras mutado.
 

O cientista explicou que a KSR pertence a uma grande família de proteínas que não estão apenas envolvidas no desenvolvimento do cancro, mas também noutras doenças.
 

“Ainda ninguém tinha percebido como explorar estes alvos terapêuticos importantes. O nosso estudo abre a possibilidade de modular a KSR como uma nova terapia anticancerígena e também como uma nova classe de intervenções completamente nova”, concluiu Arvin Dar.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.