Cancro do Pulmão provocado por Inalação de Crómio Hexavalente

Estudo da Universidade de Coimbra

20 dezembro 2007
  |  Partilhar:

 

Quem vive junto a estradas ou fábricas pode desenvolver um tipo específico de Cancro do Pulmão que os investigadores da Universidade de Coimbra (UC) estão a estudar para estabelecer estratégias preventivas e de tratamento da doença.
 

 

A investigação, que se desenvolve há um ano e meio sob coordenação da Maria Cármen Alpoim, do Departamento de Bioquímica da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), centra-se no estudo dos mecanismos do Cancro do Pulmão provocado por inalação de Crómio Hexavalente.
 

 

De acordo com uma nota do gabinete de imprensa da FCTUC, com este estudo sobre os mecanismos de evolução das células para a fase maligna (através de múltiplas técnicas de biologia molecular) pretende-se "estabelecer estratégias profilácticas e técnicas de tratamento capazes de impedir o avanço deste tipo de cancro".
 

 

"Há uma relação directa entre a inalação de nanopartículas de crómio hexavalente e o desenvolvimento do Cancro do Pulmão. E este é um subtipo específico de Cancro de Pulmão com características genéticas diferentes do cancro dos fumadores", refere a nota enviada à imprensa.
 

 

Maria Cármen Alpoim, líder da investigação, realçou que o padrão genético deste carcinoma é diferente dos do tabaco e amianto, embora a zona afectada do pulmão seja semelhante. E, por isso, “se tem um mecanismo de desenvolvimento diferente, o tratamento terá de ser também diferente".
 

 

O estudo, intitulado "mecanismos de indução do Cancro de Pulmão pelo crómio hexavalente", está a ser realizado em "linhas celulares não tumorais" e consiste em "mimetizar as condições ambientais" através da exposição a baixas e continuadas concentrações de crómio hexavalente. Actualmente, os investigadores estão a entrar numa segunda fase do projecto, que é a implementação in vitro do "processo de malignização”.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 1
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.