Cancro do cólon afectará este ano 5 mil pessoas em Portugal
12 maio 2002
  |  Partilhar:

A Sociedade Portuguesa de Endoscopia Digestiva (SPED)
 

estima que, este ano, cerca de cinco mil pessoas adoeçam com cancro do cólon em Portugal, das quais cerca de três mil deverão morrer.
 

 

O vice-presidente da SPED e director do serviço de
 

gastrenterologia do Hospital de Mirandela, Venâncio Mendes,
 

afirmou que, de acordo com os últimos estudos feitos sobre o
 

cancro do cólon, cerca de três mil pessoas morreram da doença em 1999.
 

 

Portugal tem uma alta incidência do cancro do cólon, que é
 

actualmente a primeira causa de morte por tumor maligno, com uma taxa de 13,5 por cento de toda a mortalidade por cancro, mais do que o cancro da mama e o do pulmão.
 

 

Sob o lema "Se tem mais de 50 anos, se se sente bem e não
 

tem quaisquer sintomas, faça o rastreio do cancro do cólon", a SPED apela à população que consulte o médico de família e solicite um exame para prevenção.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.