Cancro: descoberta promissora abordagem ao sistema imunitário

Estudo publicado na revista “Nature”

14 dezembro 2017
  |  Partilhar:
Um estudo recente descobriu uma nova forma de abordar o sistema imunitário de maneira a que ofereça proteção contra as infeções e o desenvolvimento tumoral. 
 
Desenvolvido por uma equipa de investigadores multidisciplinar, liderada por Juntin Milner, da Universidade da Califórnia em San Diego, EUA, a abordagem reside numa função recém-descoberta da proteína conhecida como Runx3.
 
A proteína Runx3 é essencial para o desenvolvimento das células T Killer, ou linfócitos T Killer, que são células do sistema imunitário essenciais para o combate às infeções e cancro.
 
“Estamos perante uma enorme perspetiva no tratamento do cancro a partir de abordagens que exploram o sistema imunitário para atuar sobre as células tumorais e o nosso trabalho descreve uma nova ferramenta para direcionar o sistema imunitário para o lugar certo onde possa fazer o seu trabalho”, explicou Ananda Goldrath que participou neste estudo.
 
Já se conhecia a função da proteína Runx3 em contribuir para o desenvolvimento das células imunitárias. Os investigadores neste trabalho descobriram uma nova função terapêutica desempenhada pela Runx3, de programadora de linfócitos T Killer de forma a localizarem e permanecerem em tecidos infecionados ou tumores, ajudando a erradicar as infeções e a desacelerar o desenvolvimento do cancro.
 
“Descobrimos uma função desvalorizada desta molécula, a de estabelecer uma linha de defesa nos tecidos por todo o organismo”, acrescentou Ananda Gosldrath. “É realmente a readaptação de uma proteína utilizada no desenvolvimento para regularizar as propriedades funcionais do sistema imunitário”, explicou a investigadora.
 
A equipa considera que se conseguirem orientar a proteína Runx3 adequadamente, poderia a mesma ser combinada com outras abordagens para ajudar os linfócitos T a reconhecerem e destruírem as células cancerígenas e ainda aumentar a eficácia das vacinas.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A. 
Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar