Cancro da próstata: novo alvo terapêutico foi identificado

Estudo publicado nos “Proceedings of the National Academy of Sciences”

09 fevereiro 2012
  |  Partilhar:

Investigadores Americanos identificaram uma nova proteína que tem um papel importante no desenvolvimento e crescimento do cancro da próstata, sugere um artigo publicado nos “Proceedings of the National Academy of Sciences”.

 

O cancro da próstata é uma doença regulada por hormonas sendo o androgénio a hormona mais importante. Esta hormona ativa o seu recetor que desempenha um papel importante no desenvolvimento e progressão do cancro da próstata. Assim, a privação do androgénio tem sido o tratamento habitualmente utilizado para o tratamento deste tipo de cancro, em fase avançada. “Contudo, a generalidade dos tumores invariavelmente reincidem e tornam-se independentes do androgénio, conduzindo à morte da maioria dos pacientes”, explicou em comunicado de imprensa, o líder da investigação, Wanguo Liu.

 

De forma a encontrar uma estratégia alternativa para o tratamento do cancro da próstata, os investigadores do LSU Health Sciences Center New Orleans, nos EUA, centraram a sua atenção nos ativadores do recetor do androgénio e no aumento dos níveis destes ativadores.

 

Os investigadores identificaram uma nova proteína, a ARD1, que se encontrava sobreproduzida na maioria das biópsias retiradas aos pacientes com cancro da próstata, e que ativava o recetor do androgénio, um processo que é essencial para o crescimento das células tumorais.

 

O estudo revelou que a inativação da ARD1 inibia a função dos recetores do androgénio, resultando na completa supressão do crescimento das células tumorais em experiências realizadas em cultura de células e em ratinhos. “Constatamos que a ARD1 modifica o recetor do androgénio e aumenta a sua atividade”, explicou Wanguo Liu.

 

O investigador acredita que o desenvolvimento de um inibidor específico para a ARD1 ou um composto que rompa a ligação desta proteína com o seu recetor poderá ser uma alternativa eficaz para o tratamento do cancro da próstata.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.