Campanha sobre violência contra idosos

Iniciativa da Associação Portuguesa de Apoio à Vítima

10 outubro 2010
  |  Partilhar:

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) lançou esta semana uma campanha de sensibilização sobre violência contra as pessoas idosas, que pretende formar, ensinar e sensibilizar.

 

São vários os materiais que suportam a campanha: dois spots de televisão e um de rádio, cartazes, banners nos sites e folhetos informativos dirigidos principalmente a profissionais, uma vez que os idosos recorrem muito a unidades de saúde. Vai também ser lançado um manual de atendimento e compreensão sobre os vários tipos de situações: indicadores de violência sexual, física, psicológica e financeira.

 

Segundo explicou à agência Lusa, Maria de Oliveira, responsável pela campanha da APAV, a maior parte dos crimes é praticada no âmbito da violência doméstica, mas as pessoas idosas têm muita vergonha de assumir quando se trata da família, sobretudo filhos, dado que implica assumirem que erraram como pais.

 

Dados da APAV referem que as vítimas de maus-tratos físicos e psíquicos são maioritariamente idosos, entre 65 e 75 anos, e que os crimes são praticados pelo cônjuge (1.622 processos em 2009) e pelo filho ou filha (1.466 processos no mesmo ano). Entre 2000 e 2009, verificou-se um aumento de 120% do número de casos de pessoas idosas vítimas de crime (mais 349 casos).

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.