Campanha Euromelanoma realiza rastreios grátis ao cancro da pele

Projecto apoiado pela Academia Europeia de Dermatologia

21 maio 2009
  |  Partilhar:

No dia 27 de Maio vai ter início, em vários países da Europa, a campanha “Euromelanoma”, que tem por objectivo sensibilizar a população para os riscos do aparecimento do melanoma, a forma mais maligna do cancro da pele.

 

Este é um projecto que conta com o apoio da Academia Europeia de Dermatologia e que se realiza anualmente desde 2000 em 26 países da Europa, incluindo Portugal. Este projecto abrange campanhas de prevenção junto de escolas e rastreios gratuitos à pele.

 

O rastreio à pele estará disponível nos serviços de dermatologia de hospitais e centros de saúde de todo país no dia 27 de Maio.

 

De acordo com Osvaldo Correia, secretário-geral da Associação Portuguesa de Cancro Cutâneo, o número de casos de melanoma tem aumentado, mas o facto de se estar mais atento a este problema tem permitido detectar estes tumores atempadamente. No rastreio do ano passado, foram examinadas 1.254 pessoas e foram detectadas 618 lesões suspeitas, das quais 26% eram melanomas.

 

Todos os anos são diagnosticados dez mil novos casos de cancro da pele em Portugal, dos quais cerca de 20% acabam por ser mortais. Por essa razão, e de acordo com declarações de Osvaldo Correia à agência Lusa, "estas campanhas são muito importantes para sensibilizar as pessoas para a importância de se prevenirem contra os efeitos nefastos do sol e, assim, poderem adoptar os comportamentos mais adequados".

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.