Campanha de recolha de sangue alicia jovens na praia

Acção do Instituto Português do Sangue

02 agosto 2011
  |  Partilhar:

A campanha de verão do Instituto Português do Sangue "Dador-Salvador", que visa sensibilizar os jovens para dar sangue e garantir um volume elevado de colheitas, arrancou segunda-feira em cinco praias do país.

 

A campanha, segundo refere a agência Lusa, visa sensibilizar os jovens entre os 18 e os 25 anos - a faixa etária que menos participa nas acções de recolha de sangue – para que se tornem dadores regulares.

 

Segundo o presidente do IPS, Álvaro Beleza, a campanha inspira-se no nadador salvador e nos surfistas “para atrair os mais jovens para a dádiva de sangue”, num mês em que há mais necessidades de recolha. “Em Agosto há menos dadores, muitos vão de férias, e há muitos acidentes e internamentos nos hospitais. Precisamos de mais dadores jovens. São mais saudáveis e estão mais disponíveis para a solidariedade e é importante manterem este hábito”, disse o responsável à agência Lusa.

 

Cada praia abrangida (Póvoa de Varzim, Figueira da Foz, Carcavelos, Monte Gordo e Quarteira) vai ter uma unidade para colheita de sangue, mas para se ser doador há requisitos que devem ser cumpridos. “Têm que ter hábitos de vida saudáveis, nomeadamente convém que só tenham uma namorada e que tenham esses hábitos do parceiro regular”, disse Álvaro Beleza.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.