Café combate cancro

Chocolate, chá e bebidas com cafeína podem dar origem a novo fármaco

21 agosto 2002
  |  Partilhar:

O chocolate, as bebidas com cola, o café e o chá podem ser a base para um medicamento contra o cancro, anunciaram cientistas da University College London (UCL), Reino Unido, esta quarta-feira.
 

 

O professor Peter Shepherd e a sua equipa acreditam que a cafeína e a teofilina - compostos encontrados normalmente em bebidas com cola, café, chá e chocolate - bloqueiam a operação de uma enzima ligada, em grande escala, à função celular. A descoberta sugere que estes compostos vão bloquear o desenvolvimento das células cancerígenas.
 

 

Segundo a equipa de cientistas, a enzima PI-3 Kinase tem um papel fundamental no mecanismo de sinalização que determina o crescimento das células e a sua morte. A particular forma da enzima alvo da cafeína - denominada p110 delta - foi recentemente descoberta por uma outra equipa de cientistas da UCL por ser responsável pela orquestração das respostas do corpo humano à infecção e ainda por estar potencialmente envolvida no desenvolvimento das doenças intestinais.
 

 

Operando no interior da célula, a enzima PI-3 Kinase estimula os fosfatos a serem ligados a um lípido particular situado no interior da membrana da célula. Este processo inicializa as vias de sinalização que determinam o crescimento da célula, movimento e a sua sobrevivência. «Demonstrámos que compostos quimicamente aparentados com a cafeína desempenham um papel importante no bloqueio da enzima chave na organização de funções celulares no corpo humano», disse o professor Peter Shepherd, adiantando que estas descobertas podem ser os alicerces para um novo tratamento para o cancro».
 

 

Contudo, o cientista avisa o público em geral para «não tomar overdoses de chocolate e café», visto que o estudo também prova que «altas concentrações de cafeína são doentias para o ser humano».
 

 

Fonte: Diário Digital
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.