Cadeira de rodas controlada pela mente

Cientistas desenvolvem mecanismo que pode revolucionar mundo dos deficientes

21 janeiro 2004
  |  Partilhar:

Esta invenção poderá pôr fim a muitos dos problemas sentidos pelos deficientes físicos. Cientistas suíços e espanhóis estão a desenvolver uma cadeira de rodas controlada pela mente, com o intuito de dar mais independência a pessoas com capacidade de movimento muito limitada, como pacientes com paralisia.
 

 

O sistema utilizará eléctrodos embutidos num capacete para transmitir mensagens do cérebro para um computador, que as passará para a cadeira através de uma ligação sem fios. Segundo a revista «New Scientist», que publicou a pesquisa, testes anteriores usando um robot indicaram que com apenas dois dias de treino é fácil controlá-lo com a mente humana.
 

 

O sistema foi desenvolvido por José Millán, do Instituto de Inteligência Artificial Perceptiva Dalle Molle, na Suíça, e cientistas do Instituto de Tecnologia Federal Suíço, em Lausanne, e do Centro de Pesquisa para Engenharia Biomédica, em Barcelona.
 

 

No momento, a equipa está a testar o sistema com um robot simples numa cadeira de rodas, utilizando para tal os comandos esquerda, direita e em frente. Também inclui um sistema inteligente, com sensores infravermelho, para garantir que o robot não bata em obstáculos. Segundo a revista, os cientistas tentam aumentar o número de estados mentais que o sistema pode reconhecer.
 

Traduzido e adaptado por:
 

Paula Pedro Martins
 

Jornalista
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.